MODA DE AUTOR 0016 • MARI ROUSSEAUX

mari

Mari Rousseaux

A Beauty Artist Mari Rousseaux é juiz-forana, mora em São Paulo e atua como instrutora de um instituto renomado. Formada pelo SENAC de Juiz de Fora, atualmente faz gradução em Maquiagem pela Anhembi Morumbi, cursando o último ano.

O editorial enviado para a plataforma Moda de Autor, “Marsala Spirit”, foi clicado por Lorena Dini, fotógrafa com a qual também já conversamos, em 2014. Mari assina a beauty do projeto e nossa conversa pode ser conferida abaixo. Para a ficha técnica completa e todas as fotos do shooting clique aqui.

Maquiagem é arte?

Pra mim, apesar da maquiagem estar na área da saúde, por lidarmos diretamente com a pele das pessoas, é muita arte. Entender as possibilidades nas sutilezas, que permitem efeitos incríveis, é muito visceral. Nós, maquiadores e beauty artists, lidamos com a produção de sentimentos, cada efeito gera uma sensação, e a motivação e o resultado de toda arte é a emoção.

O belo e o feio

Na verdade tudo que está no universo da moda é feito para ser vendido, pensamos em cada detalhe para agradar um público X ou Y. Na minha opinião, chegamos a um ponto em que já foi feito de tudo, e acabamos precisando de algo mais “chocante” para chamar a atenção e vender. Lá na década de 40, quando a fotografia de moda foi reinventada, muitos achavam feia aquela mulher menos delicada e que posava de maneira nada romântica, mas era a modernidade e o frescor que chamou a atenção e vendeu tantas marcas que hoje são consagradas. Hoje, o propósito continua o mesmo, com a diferença que tem muito mais marcas competindo no mercado, e a ousadia precisa ser ainda maior. Se o resultado é feio ou não, sempre vai depender dos olhos de quem vê, mas que o ousado deve ser explorado, disso não há dúvidas! Do contrário cairíamos no tédio e ninguém se destacaria no mercado.

Como é pensado um editorial de moda, sob o olhar do beauty artist?

O editorial é um pouco diferente de uma campanha, porque não temos um cliente definindo o briefing para a beleza, a fotografia e o styling: temos liberdade de criação. Não há um ponto inicial definido, a idéia pode vir tanto de mim quanto de outros profissionais, e aí nos reunimos (beauty, fotografia, styling e quem mais estiver envolvido) para desenvolver uma conceituação em cima da idéia inicial. Cada um pensa na sua prática e joga as idéias na mesa pra um brainstorming, e no dia do shooting vemos se todo mundo gosta de tudo. Mas o principal, como é algo autoral, é todos os profissionais gostarem de tudo que está sendo feito pelos colegas, a linguagem precisa estar unificada.

A ideia por trás de Marsala Spirit

A ideia da Loris (Lorena Dini), a fotógrafa, surgiu a partir de uma vontade que ela tinha de fazer uma beleza na ramificação chic com o glamour da Ralph Lauren. Logo que ela me falou, já me veio em mente a cor do ano pela PANTONE, o marsala, que traz em si todo o conceito do chic, moderno e feminino. Utilizei nuances marsala nos lábios e nos olhos em vários momentos, e o chic esteve na sofisticação da aplicação, e em um segundo momento no delineado gatinho bem delicado. Mas ainda precisávamos do glamour, foi aí que entrou a cintilância na pálpebra móvel, e no batom forte em outros momentos. A pele bem iluminada trouxe esse frescor e o glamour necessários para o look.

Anotado? 😉

Algumas imagens de Marsala Spirit. Não deixe de conferir TUDO, completinho, no site da F.Works Produtora de Moda.

Ficha técnica do editorial: ph • lorena dini | beauty • mari rousseaux| styling • marina chieppe | model [way] • tatiana dument