MUSAS CONTEMPORÂNEAS

julia-roberts-600x450

Mais um rosto maduro figura campanha – o da vez é Julia Roberts para Givenchy. Sobre a escolha, Riccardo Tisci, diretor criativo da marca, comenta: “Eu quis uma coleção honesta, verdadeira comigo e com a Givenchy, claro, mas mais comigo mesmo. Foi uma mensagem pura. Muito preto no branco. Uma mulher poderosa, com sex appeal, mas ao mesmo tempo um pouco masculina. Esse é o meu estilo.”

A moda está definitivamente voltada para o segmento pós-50. Essas são as novas musas contemporâneas. Pela primeira vez, o nicho é considerado como target, de fato – lembram-se de exemplos como Jessica Lange para Marc Jacobs ou Hellen Mirren, para L’Óreal? Não à toa, nessa toada, é que a edição #14 da Revista F. chega às ruas nas próximas semanas… mas não podemos dizer mais nada!

Aguardem 😉