MODA•DE•AUTOR 0010 – INGRYD LAMAS

IngrydLamas5peq2

“O resultado final da tinta é sempre uma surpresa” – Ingryd Lamas

A ilustradora e produtora de figurino e arte para audiovisual Ingryd Lamas, 26, é juiz-forana e assina o projeto número 10 apresentado pela plataforma Moda de Autor, da F.Works Produtora de Moda.

Depois de morar alguns anos fora da cidade, Ingryd está de volta e com grande fôlego para a criação. Trocamos uma ideia por email (que vocês conferem abaixo) e, nesse link, as peças selecionadas para a nossa galeria. Aproveitem!

Como as ilustrações de moda fazem parte da sua vida? 

As ilustrações em geral são parte fundamental do meu dia-a-dia, não apenas como “distração”, mas como trabalho. Entre formação e profissão elas sempre estiveram presentes, seja elaborando figurinos, cenários, ou ilustrando figuras de moda isoladas.

– Você se baseia nas imagens que cria para desenvolver peças “no mundo real”?

Sim e não. Sim ao passo que, para criar um figurino, geralmente inicio em uma ilustração (ou várias). Não, quando ilustro imagens prontas de outros criadores ou fotógrafos. Uso as minhas ilustrações de moda mais como representação do que como criação.

– Quais técnicas utiliza?

Pena e nanquim, canetas de nanquim, lápis grafite e aquarela são as minhas preferidas. No caso das imagens que enviei, todas são aquarela, minha técnica “queridinha”, status que ganha pela imprevisão do resultado. A aquarela ganha vontade própria quando toca o papel, a migração da cor, a forma com que migra e pra onde migra pode ser controlada até certo ponto, mas o resultado final da tinta é sempre uma surpresa, e isso é mágico.

– Como é seu processo na hora de criar um desenho? Ele já está pronto na sua cabeça ou vai surgindo enquanto os traços vão sendo rabiscados no papel?

Depende. No caso da série de moda que enviei, todas as ilustrações são baseadas em imagens produzidas por fotógrafos de street style. Portanto, nesse caso, a imagem já existe. O que faço é levá-la para outra plataforma e acrescentar cores e referências.

– Você tem alguma dica para quem gostaria de aprender a desenhar? A inspiração ajuda ou o talento é mais importante?

A dica é começar e não se intimidar com resultados alheios. Uma das vantagens da ilustração contemporânea é que não existe “errado ou feio”. Se você abraça um estilo e cria um discurso em cima dos seus traços, não existe tanta importância para mais ou menos habilidade. Não acredito em talento também. Acredito em trabalho. Desenho é pratica, como tudo na vida. Claro, existem pessoas iluminadas que sem a menor dificuldade produzem com qualidade invejável, mas no geral, os bons resultados se devem muito mais a pesquisa, estudo e trabalho do que a inspiração ou talento.

Confira todas as ilustrações enviadas por Ingryd Lamas:

http://bit.ly/ZUlbXR

Gostou? É criador de moda e gostaria de divulgar seu trabalho em nossa plataforma? Submeta seu projeto pelo jornalismo@fworksprodutora.com.br.

🙂