OSCAR 2013 – PITACOS

Não adianta, a festa é brega, o tapete nem vermelho é. A gente xinga todo mundo, os nossos filmes e atores favoritos ou são esnobados ou perdem, metemos o pau nos modelitos. Mas a verdade é que eu não consigo ficar sem dar meu pitaco, nem sem ver a entrega do Oscar.

O que acho mais bacana é isso, é festa, gente, pode dar tudo certo e ser inesquecível, ou tudo errado e a gente nem querer lembrar, como se fosse uma ressaca eterna.

 Vamos aos meus pitacos, junte-se aí no achômetro e seja feliz!

MELHOR FILME

Indomável sonhadora

O lado bom da vida

A hora mais escura

Lincoln

Os Miseráveis

As aventuras de Pi

Amor

Django Livre

Argo

Listinha boa essa, é legal ver que “Amour” saiu da categoria estrangeiro – foi indicado por lá também e ganhou status. Apesar disso, torço e espero que vença “Argo”, mesmo a Academia sendo genial indicando o filme, mas não pela direção de Ben Affleck. Argo é uma delícia, história que te prende até as raias do desespero, tal o suspense que a coisa vai. Tarantino e seu “Django Livre” é ótimo, mas falar nigga a cada cinco segundos não vai atrair simpatia. “O Lado Bom da Vida” é aquele tipo de filme que você tem que ver pra acreditar no amor, sair feliz do cinema e com vontade abraçar geral. Já “A Hora Mais Escura” não recomendo para os fracos. Quem vê a série Homeland vai gostar da pegada.

DIRETOR

Michael Haneke (“Amor”)

Benh Zeitlin (“Indomável sonhadora”)

Ang Lee (“As aventuras de Pi”)

Steven Spielberg (“Lincoln”)

David O. Russell (“O lado bom da vida”)

Deve levar o Spielberg por Lincoln. Saco isso. Queria o Affleck indicado e a Kate Bigelow, por “A Hora mais Escura”. Para quem não se lembra, ela é a badass que levou por “Guerra ao Terror” no ano que todos juravam que ia dar “Avatar”.

Lewis + Spielberg - será que levam?

Lewis + Spielberg – será que levam? (c) Reprodução.

ATOR

Daniel Day-Lewis (“Lincoln”)

Denzel Washington (“Voo”)

Hugh Jackman (“Os miseráveis”)

Bradley Cooper (“O lado bom da vida”)

Joaquin Phoenix (“O mestre”)

Olha, só gente boa, viu. Feliz por esses meninos. E dou meu braço a torcer pelo Bradley Cooper, pois achava só mais um gatinho que nunca chegaria a ser um Ryan Gosling. Mas ó, o menino deu showzinho no “Lado Bom da Vida”. Apesar de torcer por ele, vai dar Daniel Day Lewis que, mais uma vez, incorpora um personagem. E merecido mesmo levar, tanto que o Spielberg só foi indicado à direção por conta do espetáculo desse moço. Beije os os pés dele, hein, Spielberg?

Jessica Chastain, em "A Hora Escura". (c) Reprodução.

Jessica Chastain, em “A Hora Escura”. (c) Reprodução.

ATRIZ

Naomi Watts (“O impossível”)

Jessica Chastain (“A hora mais escura”)

Jennifer Lawrence (“O lado bom da vida”)

Emmanuelle Riva (“Amor”)

Quvenzhané Wallis (“Indomável sonhadora”)

 Dispenso a menininha de nome com todas as letras do alfabeto. A parada aqui está com gente grande, Emmanuelle Riva e Jessica Chastain. E, sinceramente, não tenho como escolher.

Christoph Waltz, em Django Livre. (c) Reprodução.

Christoph Waltz, em Django Livre. (c) Reprodução.

ATOR COADJUVANTE

Christoph Waltz (“Django livre”)

Philip Seymour-Hoffman (“O mestre”)

Robert De Niro (“O lado bom da vida”)

Tommy Lee Jones (“Lincoln”)

Alan Arkin (“Argo”)

Nessa categoria a coisa está mais complicada. Eu gosto muito do Alan Arkin em “Argo”, ele mistura patetice e bom mocismo. Simpaticão. Mas o meu coração pertence à Christoph Waltz! Debochado, viril e emocional, aiii <3. Mas deve ganhar o turrão do Tommy Lee Jones por Lincoln. Di Caprio não ter sido indicado aqui foi injustiça pura.

anne-hathaway-in-les-miserables-1920x1080

ATRIZ COADJUVANTE

Sally Field (“Lincoln”)

Anne Hathaway (“Os miseráveis”)

Jacki Weaver (“O lado bom da vida”)

Helen Hunt (“The sessions”)

Amy Adams (“O mestre”)

Consegui ver todos esses filmes, menos Misérables, mas a cena em questão que levou a Anne a indicação vi no youtube e ó, periga sim dela levar, heim. Porque Oscar não é só técnica, é quase um concurso de miss, tem que ter carisma e tudo mais. Sinceramente? Amo todas as atuações desse time, acho que estamos numa win win situation aqui.

no_ver2

FILME ESTRANGEIRO

“Amor” (Áustria)

“No” (Chile)

“War witch” (Canadá)

“O amante da rainha” (Dinamarca)

“Kon-tiki” (Noruega)

Amor pelo “No”, gente. Desculpe, não resisti. Mas vai dar “Amour”. Recomendo com força “No”, vejam, heim!

Resumindo os técnicos, acho que roteiro adaptado vai “Lincoln” e roteiro original “Amour”. FigurinoLes Miserables” está com leve vantagem, mas “Anna Karenina” também briga bonito. Animação não vi nenhum, então minha gente, que as crianças escolham o preferido.

 Bom, é isso. Após o Oscar volto com algumas considerações impertinentes.

Vamos nos divertir!

Anúncios